domingo, 10 de julho de 2011


aqui tinha falado deste filme. Revio-o este fim de semana! E desta vez gostei mais do que da primeira vez que o vi. O que acontece quando temos a vida definida, sem mais surpresas? Numa relação estável, onde nem tudo são rosas mas, apesar dos apesares amamos a pessoa que temos ao nosso lado. Este filme mostra a curiosidade que (alguns) temos em saber como será estar com outra pessoa. Na minha opinião não há desculpas para uma traição, mas ao fim ao cabo somos humanos e numa determinada altura da nossa vida as tentações podem aparecer. 

Depende é da nossa consciência saber encará-las.


Vejam este filme, recomendo!
Não querendo ser spoiler, mas de facto se algo me acontecesse reagiria como ela... mas o desfecho não sei se seria o mesmo....

6 comentários:

Alice disse...

olá

não conhecia esse filme.

por aqui na minha vida o tema traição tem sido um tabu.
sempre achei mal as traições. se uma pessoa gosta de outra, deve acabar a sua relação primeiro, e não pular a cerca.

*

Vânia disse...

não vi o filme mas fiquei com curiosidade:-)

LopesCa disse...

Obrigada pela dica tenho de ir ver :)

Lisbo@ disse...

Concordo Alice! Nada pior que enganarmo-nos a nós próprios e aos outros.

Palco do tempo disse...

fiquei curiosa agora :)

Catarina disse...

Esse filme é muito bom!! Um filme, aparentemente, simples mas que nos remete para uma realidade mais comum do que pensamos.
Também já escrevi sobre ele. Bom gosto!